Como fazer um bom marketing digital para agência de viagens

Até antes da pandemia, julho era tradicionalmente o mês das férias escolares. Por conta disso, tínhamos um período de alta no turismo, pois muitas famílias se programavam para viajar nesta época. Com o retorno gradual das atividades, este deve voltar a ser um período movimentado, o que torna fundamental que se tenha um bom marketing digital para agências de viagens. 

Antes já havia uma mudança gradual para o digital das compras de pacotes de viagens. Porém, o longo tempo de quarentena, fez com que esse processo de acelerasse e muitos passassem a pesquisar e adquiri-los sem nem sair de casa.  

O que é preciso para um bom marketing digital para agência de viagens? 

Em primeiro lugar, precisamos lembrar elementos básicos comuns as mais diversas áreas do marketing digital, como por exemplo: 

  • Ter um site ou blog; 
  • Ser uma presença ativa nas redes sociais; 
  • Investir em e-mail marketing; 
  • Conhecer seu público-alvo e ter uma persona definida. 

Esses são os principais exemplos, sendo que podemos citar a questão do SEO para otimizar resultados nos motores de busca, entre outros.  

Só que a partir disso, precisamos entender as peculiaridades que envolvem o marketing digital para agência de viagens. Em primeiro lugar, é preciso observar que mesmo que tenhamos períodos aquecidos no turismo nacional, a busca por pacotes de viagens acontece de forma contínua durante o ano. 

O motivo? Como falamos de um investimento muitas vezes considerável, poucas são as famílias que simplesmente compram pacotes de viagem em cima de hora. Normalmente o cenário que temos são as pessoas fazendo uma compra antecipada de meses ou até mais de ano.  

Um outro ponto importante é a forma como se produz o marketing de conteúdo aqui, pois ele deve investir muito no visual. Afinal, precisamos transmitir sensações que façam a pessoa sentir-se compelida a visitar determinado local correto? Então, ter fotos de qualidade e até mesmo vídeos que mostrem possíveis destinos, são requisitos básicos para atrair novos leads. 

Dicas para um bom marketing para agência de viagens 

Agora que demos uma pequena introdução sobre esses diferenciais, vamos nos aprofundar no tema, mostrando algumas das principais coisas a se fazer para um bom marketing para agência de viagens. 

1 – Ter uma persona bem definida e conteúdos pensados para ela

A concorrência entre agências de viagem, como em outros tantos meios, é bem grande. Sendo assim, você precisa oferecer algum diferencial para se destacar certo? Isso pode vir através de um foco claro, que pode ser por exemplo, o nicho de quem faz o ecoturismo. 

Ao ter isso definido, pode-se pensar conteúdos com foco para este público-alvo (no caso em questão aqui, pessoas que gostem de fazer ecoturismo). A vantagem é clara: com um conteúdo assertivo, a chance da sua persona te encontrar através de um bom trabalho de SEO (palavras-chave pesquisadas por este público e até mesmo imagens, que podem levar a pessoa ao texto) aumenta muito. 

Isso pode render desde um cadastro na sua newsletter, até mesmo uma compra de um pacote de viagens.  

2 – Investir em promoções

Quem não gosta de um bom desconto na hora de fazer uma compra? Pois investir em promoções e desconto na compra de pacotes é um aliado poderoso na hora de conseguir novos clientes. Só que aqui ainda tem um outro detalhe interessante: usar isso a seu favor para conseguir clientes nos períodos de baixa. 

Falamos sobre os períodos de alta no turismo, mas isso obviamente não quer dizer que ninguém viaje no período de baixa certo? Só que como é uma época com um número bem menor de viagens, é comum encontrarmos descontos e promoções para quem optar por fazê-las fora da temporada. Então por que não fazer o mesmo? 

Além disso, oferecer vantagens para quem faz a compra antecipada de pacotes (aproveitando a questão anterior citada das pessoas se programarem) é uma forma interessante de manter um fluxo de capital ao longo de todo o ano. Fazer um planejamento estratégico sobre isso traz chances de ótimos resultados. 

3 – Investir em reviews e avaliações de clientes em redes sociais

Sim, falamos do famoso “boca a boca”, mas feito obviamente no virtual. Como trata-se de uma venda de experiências, as pessoas darão valor a relatos positivos feitos por seus clientes. Invista na coleta de depoimentos, peça reviews e aproveite até mesmo o fato de muitos gostarem de um destaque na internet (afinal, o nome dela vai estar lá em evidência no perfil da sua agência de viagens não é mesmo?). 

Essa coleta de depoimentos serve principalmente para trazer confiança a potenciais clientes, pois atestam que você presta um serviço de qualidade e podem influenciar outras pessoas a comprarem pacotes de viagem com você. 

Mas muita atenção com uma coisa: ao fazer isso é muito provável que em comentários ou até mesmo dentro de reviews (caso sejam postados pelos clientes) tenhamos relatos de experiências negativas também.  Nesta hora será o momento de mostrar seu diferencial. Em primeiro lugar: não delete de forma alguma! Depois, mostre-se solicito e atencioso para ouvir e entender o que não agradou ou algum eventual problema e se possível solucioná-lo.  

Até porque, ninguém está isento de falhas, mas até mesmo a forma como se trata ela pode ter um peso favorável na hora de decidir por sua empresa. Voltamos aqui ao exemplo do site Reclame Aqui. Muitas pessoas pesquisam lá não apenas para saber se algo tem problema, mas sim como aquilo foi solucionado. 

 Ao oferecer uma resposta personalizada (nada de mensagem automática aqui, bom enfatizar) e principalmente, solucionar o motivo da reclamação, a empresa ganha credibilidade, pois entende suas falhas e tenta sempre resolvê-las de forma a deixar o cliente satisfeito. Lembre-se sempre disso! 

 

Contato

Quer melhorar a comunicação de sua empresa? Tirar um projeto da cabeça e começar a fazer com que ele vire realidade? Entre em contato com nossa equipe. Não trabalhamos com nenhum tipo de pacote pronto, analisaremos a sua necessidade e apontaremos a solução de acordo com o que sua empresa precisar.