Escolha uma Página
Eu sei, a pergunta parece óbvia, mas acreditem: a gente a ouve o tempo todo.

Muitas vezes um empreendedor não tem a oportunidade de se preparar para lançar a sua empresa, isso simplesmente acontece. É uma pessoa que perde o emprego, começa a fazer uns carretos para a vizinhança, e quando vai ver tem uma pequena empresa de logística. Ou então alguém que estava querendo dar uma incrementada na renda e resolveu dar banho nos cachorros do bairro, e quando menos esperava tinha um pet shop aberto. Essa é a realidade do empreendedorismo brasileiro, na maior parte dos casos.

Temos ainda um outro perfil de empreendedor, muito comum também, que é a pessoa que gosta de consumir um determinado produto, e por ter essa experiência como usuário acredita que pode ser um excelente vendedor/dono de negócio na área.

Veja, não estamos de forma alguma dispensando a importância da experiência prática. A vivência é fundamental para que se possa tocar um negócio, e não temos dúvidas de que somente um diploma universitário ou algo do tipo não é garantia nenhuma de sucesso no mercado. Mas é preciso ter um conhecimento técnico sobre o mercado no qual você atua.

Aqui na Universo, o Fernando é um apaixonado por pizza. Durante uns 2 anos da vida dele, ele saiu todas as quintas-feiras com um amigo para experimentar uma pizza diferente pela cidade de São Paulo. Ele é um grande conhecedor do assunto? Sim, claro! Ele tem condições de abrir uma pizzaria? Pelo conhecimento que ele tem hoje, de forma alguma!

Conhecer o mercado é ir muito além de saber quem são os concorrentes. É fazer um estudo (sério e científico, quando possível) dos consumidores, analisar tendências, curvas de demanda sazonais, identificar possíveis fornecedores alternativos e saber como criar barreiras de entrada para novos competidores.

É por esse motivo que acreditamos somente em trabalho de médio a longo prazo. Como vamos encontrar uma solução de comunicação se ainda não sabemos como o mercado da empresa atua? Em que horário vou fazer postagens nas redes sociais se não sei qual o hábito do consumidor de meus clientes? Sim, é um pouco de tentativa e erro, mas acima de tudo é a capacidade de analisar de forma qualitativa os dados quantitativos fornecidos pelas ferramentas disponíveis, principalmente no que se diz respeito ao marketing digital.

Não podemos de forma alguma surgir com fórmulas prontas, pacotes pré-estabelecidos, e ignorarmos completamente a cultura de um determinado mercado, as regras não escritas, os códigos de ética e etiqueta que regem os mais diferentes setores.

Sendo assim, fica aqui a nossa dica para quem tem um empreendimento: estude! Não estamos falando de fazer cursos ou frequentar escolas e universidades, necessariamente (apesar de sermos muito favoráveis a isso também). Estamos falando de ser curioso, explorar as possibilidades, tentar ver a situação meio de fora, como se não tivesse envolvido, se colocar no lugar dos concorrentes, dos consumidores, fornecedores, distribuidores… Tente entender como roda o mundo dos negócios, e verá que sua empresa não é o centro dele, mas certamente pode ser uma estrela de destaque se estiver na órbita correta!

%d blogueiros gostam disto: